Tratamentos

Conheça os tratamentos realizados.

A acne acomete quase todos os adolescentes (pelo menos 80%) durante a puberdade. Caso não tratada de forma adequada, pode permanecer até o final da adolescência ou da idade adulta, podendo deixar cicatrizes ou marcas permanentes.

Para evitarmos que isto aconteça, atualmente existem formas de minimizar ou até solucionar este problema!

Como se forma a acne?
A acne se forma nos folículos pilossebáceos, que são formados por um pêlo e uma glândula sebácea localizados na pele. Acomete principalmente o rosto, o peito e as costas, onde estas glândulas são mais desenvolvidas.

A Glândula Sebácea, localizada na derme tem como papel principal produzir sebo. Esta glândula se exterioriza na pele pelo poro, através de um canal que se chama Duto Pilossebáceo.

Associada ao aumento de sebo no folículo pilossebáceo, ocorre o entupimento do mesmo pelo acúmulo de células da camada córnea que não são mais eliminadas normalmente como de costume. 

Formam-se então os Comedões ou Cravos que podem ser: 
• Fechados ou Brancos 
• Abertos ou Pretos (devido à oxidação do sebo contido em seu interior ao entrar em contato com o ar ambiente).

No interior do comedão, ocorre a proliferação do Propionibacterium acnes, uma bactéria que normalmente é encontrada no folículo pilossebáceo.

Com retenção sebácea, este microorganismo prolifera, produzindo enzimas chamadas lipases que atuam sobre o sebo, liberando ácidos graxos que são irritantes para a parede do folículo pilossebáceo, causando inflamação local. Formam-se então as lesões inflamatórias: pápulas, pústulas, nódulos e cistos.

Quais são os graus de acne?
Existem vários graus de acne e, para cada qual, um tratamento adequado. Por exemplo, para os graus mais leves, o tratamento com produtos de uso local é suficiente na maioria dos casos. Já para os graus mais avançados, geralmente é necessário o uso de medicamentos por via oral, tais como antibióticos, anticoncepcionais orais e isotretinoína.

Assim, podemos classificar a acne em 4 graus:
Grau 1: apenas presença de cravos
Grau 2: presença de cravos e espinhas avermelhadas e/ou com pus
Grau 3: presença de nódulos (espinhas internas) inflamados
Grau 4: somatória dos itens anteriores.

O que é a Acne da mulher adulta?
É a acne que surge na mulher após os 20- 25 anos, podendo estar relacionada a distúrbios hormonais (ovários policísticos, resistência a insulina etc).

Localiza-se principalmente na região do queixo, com espinhas internas que pioram antes ou durante a menstruação. Para que o tratamento dermatológico seja eficaz, é aconselhável que se faça uma avaliação hormonal conjunta.


São 3 os principais tipos de cancer de pele:

1. Basocelular, é o tumor mais frequente, de crescimento lento, desde que detectado e tratado a tempo, a taxa de cura é superior a 95%. É o tipo mais comum e felizmente o menos agressivo, raramente invade outros tecidos causando metástases. Representa aproximadamente 70 a 80% de todos os tipos de cancer de pele. 

2. Espinocelular, é o segundo tipo mais frequente, um pouco mais invasivo que o basocelular, porém igualmente curável. Representa cerca de 15 a 20% de todos os tipos. 

Tanto o basocelular quanto o espinocelular são causados pela exposição prolongada aos raios solares, porisso surgem princpalmente em áreas expostas como face, couro cabeludo, orelhas, lábios, pescoço, tronco, antebraços e dorso das mãos. 

3. Melanoma, é o mais perigoso dos 3 tipos, representa cerca de 3a 5% de todos os tipos. Se detectado nos estágios iniciais pode ser tratado com sucesso, porém nos estágios avançados pode se disseminar por outros orgãos (metástases) e causar a morte. O melanoma tem sido relacionado a exposições solares intensas, esporádicas, mas com queimaduras dolorosas e bolhas, ocorridas durante a infância. Pode surgir em regiões do corpo que não são expostas ao sol, além de acometer tanto pessoas de pele clara quando morenas.

Os indícios mais comuns de um câncer da pele são:

- Lesões que não cicatrizam;

- Manchas e pintas que sangram coçam, doem, ou mudem de tamanho, cor ou espessura;

- Verrugas ou espinhas que aumentem de volume, cocem, doam ou sangrem

- Manchas escuras (pintas) que se tornem mais pretas, bordos irregulares, elevadas, que sangrem com facilidade. 

(Fonte: Instituto Nacional do Câncer e site SBCD)

Portanto, para diminuir o risco da doença, é essencial realizar periodicamente o auto-exame da pele e ficar atento às mudanças verificadas. E, em diante de qualquer anormalidade, procurar um dermatologista.


Resultado de imagem para cancer de pele auto exame


Grande parte das “pintas” (chamadas de “nevos” pelos dermatologistas) que aparecem no nosso corpo são pequenos tumores benignos formados pelas células que produzem a melanina, pigmento responsável pela cor da pele. Elas geralmente são pretas ou marrons, podem surgir em qualquer idade, em decorrência de fatores hereditários e exposição solar. 

No caso de pintas com as seguintes características: contornos irregulares e mal definidos, várias tonalidades de cor na mesma pinta, mudança no seu tamanho ou formato, está indicado procurar o dermatologista. 

Lembre–se desses A B C D, podem ser sinais de um melanoma.

Nenhum texto alternativo automático disponível.
Como age o Laser?
O laser emite um feixe de luz altamente concentrado, que é absorvido exclusivamente pelo pigmento localizado na raiz do pêlo (melanina). A energia luminosa é transformada localmente em energia térmica, causando a morte da raiz do pêlo.

Para remover o pêlo e retardar o novo crescimento, deve-se levar em conta o ciclo de crescimento normal do pêlo, que consiste de 3 fases: Anágena, Catágena e Telógena. Como nem todos os pêlos estão passando ao mesmo tempo pela fase Anágena (é nesta fase que o laser destrói totalmente o pêlo), será necessário mais de uma sessão para que todos os pêlos daquela área sejam atingidos.

A eficácia e segurança deste tipo de laser nos permite tratar várias áreas do corpo: buço, barba, orelhas, axilas, virilhas, abdômen, coxas e pernas (foliculite, pêlos encravados).

O tempo de duração da sessão varia conforme a extensão da área tratada, de alguns minutos a 1 hora.

Recomenda-se que a pele não esteja bronzeada e que a região a ser tratada não tenha sido depilada há pelo menos 20 dias.

Orientações
- A pele não deverá estar bronzeada para que a sessão de laser seja satisfatória.
- Evitar a exposição solar direta no intervalo entre as sessões.
- Poderão surgir pequenas crostas sobre a área tratada, num período de 2 a 5 dias. Mantenha a área limpa, lavando-a com sabonete neutro seguido da aplicação do creme prescrito pela médica.
- Notará que o pêlo ficará escuro na área tratada e que o mesmo será naturalmente eliminado dentro de alguns dias, pois estará solto na raiz.
- Poderá sentir uma leve sensação de calor na área tratada, durante algumas horas após a aplicação do laser.
- Entre uma sessão de laser e outra, não depilar-se com cera. Poderá usar cremes depilatórios ou ainda raspar os pelos com lâmina.


O ENVELHECIMENTO FACIAL é causado por diversos fatores, dentre eles a perda de volume do tecido gorduroso e ósseo, principalmente na região mandibular e periorbitaria. Associado a isto, ainda temos a perda de colágeno, com consequente flacidez da pele. 
Uma opção de tratamento com o OBJETIVO DE REPOSICIONAR E REDEFINIR os contornos do rosto, em especial da mandíbula e pescoço é a colocação de FIOS DE SUSTENTAÇÃO. 

 O procedimento é feito como se fosse um procedimento cirúrgico de pequeno porte, com campo e luvas estéreis, anestesia local e dura cerca de 40 minutos. Através de pequenos furos, o fio é inserido entre a pele e a camada de gordura subcutânea. O efeito de lifting é imediato e discreto, por ser resultante da compressão e elevação do tecido no momento em que a sutura é ajustada. Já o efeito regenerativo é tardio, gradual (observado ao longo dos meses seguintes) e ocorre através da estimulação da produção de um novo colageno local. 

O ácido polilático (PLA), principal componente do Sutura Silhouette, é um polímero conhecido há muitos anos na medicina (fios de sutura, pinos ortopédicos) é biocompatível e biodegradável (absorvível) e como fio vem sendo utilizado há cerca de 5 anos. Os primeiros fios de sustentação eram feitos de polipropileno, chamados Fio russo, a seguir vieram outros como fio búlgaro, fios de ouro, todos feitos de material não absorvíveis. 

O médico especialista deverá avaliar o paciente para ver se há indicação da implantação dos fios.                                              


Lábios bonitos valorizam o rosto de qualquer mulher!

Quando a perda de volume, do contorno ou quando as ruguinhas em volta dos lábios começam a surgir, pode-se recorrer ao preenchimento labial com ácido hialurônico. Existem parâmetros estéticos que servem de orientação ao profissional, para que o efeito final seja bastante natural, como o a proporção de volume 2/3 para o lábio inferior e 1/3 para o superior, o centro dos lábios serem mais evidentes do que as laterais, o arco do cupido, os 2 pilares entre o nariz e o lábio superior chamado de filtro...


Resultado de imagem para labios preenchimento



É um novo tipo de tecnologia que permite tratar pequenas “frações” da pele, fazendo com que o tecido ao redor das áreas tratadas permaneça intacto, levando assim a mais rápida recuperação da pele. Está indicado para o tratamento de cicatrizes de acne  e casos mais severos de envelhecimento da pele.

O tratamento com estes tipos de laser produz MILHARES de pequenos pontos tratados na pele. Entretanto, a pele ao redor de cada ponto permanece intacta, o que facilita a recuperação mais rápida da pele, processo que ocorre paralelamente à formação de um novo colágeno. Mesmo assim, a indicação deste tipo de procedimento deve ser feita  somente após a avaliação minuciosa e esclarecimento detalhado dos cuidados a serem tomados após cada sessão. Neste tipo de procedimento, a pessoa deverá se afastar das atividades de rotina ao menos nos primeiros dias pós laser.
A Luz Intensa Pulsada age em dois níveis da pele:

Profundo
A aplicação profunda estimula a produção de colágeno, ao atingir as camadas mais profundas da pele.

Superficial
A aplicação superficial atua principalmente nas sardas, manchas senis e nos vasinhos próximos ao nariz.

Assim, a Luz Pulsada pode tratar ao mesmo tempo, vários destes sinais, deixando a pele com uma coloração mais uniforme e viçosa.



Resultado de imagem para microagulhamento

Esta técnica consiste em produzir furos minúsculos na pele, que desencadeiam uma reação em cascata produzindo vários mediadores químicos. Estes por sua vez estimulam as células tronco e os fibroblastos a produzirem mais colágeno e elastina, a fim de restaurar a pele danificada. Com o aumento na produção destas substâncias, toda a pele é reestruturada e beneficiada com a reorganização das fibras internas, o que leva a diminuição das rugas, das cicatrizes de acne, resultando numa pele mais firme e com mais viço. Trata-se de um rolo descartável e esterilizado, para utilização de uma única vez, contendo cerca de 190 agulhas muito finas posicionadas de forma simétrica e em fileiras, de comprimentos que variam de 0,25 a 2,5mm. É um procedimento cirúrgico ambulatorial, feito com material estéril, anestesia tópica ou local infiltrativa. É bom lembrar que os dispositivos utilizados no microagulhamento não são reutilizáveis, nem no mesmo paciente, e tampouco podem ser reesterilizados, uma vez que o calor destroi o plástico e a ponta afiada das agulhas.
A forma de ação principal do microagulhamento é mecânica, enquanto a do laser, também utilizado para o rejuvenescimento tem açâo térmica, o que oferece maior segurança aos pacientes de pele morena ou negra, com menor risco de manchas indesejáveis. 

Quais as principais indicações ?
As principais indicações do Microagulhamento são envelhecimento da pele, cicatrizes de acne, tratamento de estrias, melasma, melhora da textura da pele (poros dilatados) e para auxiliar na deposição de substâncias terapêuticas nas camadas mais profundas da pele, tais como clareadores, vitaminas, aminoacidos, minerais (“drug delivery” ). 
Muito comentado nos ultimos congressos, o Drug Delivery é um técnica que permite a penetração de ativos na pele através de microperfurações provocadas pelo microagulhamento ou laser fracionado, com o objetivo de aumentar a eficácia do procedimento.

Dependendo da indicação e do grau de profundidade na pele que se deseja atingir, um determinado comprimento de agulha será utilizado. 

Em quanto tempo dá para perceber os resultados?
Os resultados são percebidos após 2 a 3 meses, pois a produção de um novo colágeno é lenta. É recomendável realizar de 2 a 4 sessões, com intervalo de mensal.


Resultado de imagem para microagulhamento
fonte: Dr Emerson Lima e site da SBCD



O que são olheiras? 

O escurecimento ao redor dos olhos incomoda muitas pessoas. Pode ser de coloração mais arroxeada (dilatação dos vasos sanguíneos) ou mais acastanhada (presença de pigmento chamado melanina). A pele desta região é muito mais fina que a pele do restante do corpo, estes pigmentos ficam visíveis por transparência e então surgem as olheiras.


Quais são as causas?

Existem vários fatores relacionados às olheiras:racial ou familiar, circulação sanguínea com retenção de líquido nas pálpebras (período pré-menstrual), dificuldade respiratória (rinite alérgica, desvio de septo), bebida alcoólica, cigarro e insônia.


Quais os tratamentos?


Dependendo do fator predominante:
* alteração de coloração arroxeada ou acastanhada: o mais indicado são os laseres que atuam nos pigmentos 
* alteração de relevo (" olheira funda"): pode-se utilizar um preenchedor como o ácido hialurônico, de baixa concentração, a fim de minimizar o degrau da goteira lacrimal. 
Muitas vezes temos a associação dos 2 fatores, assim pode-se combinar as técnicas. 



A pele é constituída de várias camadas de células que são renovadas continuamente a cada dia. Com o passar dos anos, este processo começa a se tornar mais lento, a pele se espessa, perde o brilho e podem surgir manchas, rugas finas e outros sinais de envelhecimento cutâneo.

Como é o procedimento?
O peeling ou esfoliação química, consiste na aplicação de um ou mais agentes químicos esfoliantes sobre a pele.

Em seguida, ocorre a descamação das camadas superficiais, que são substituídas por novas células provenientes das camadas subjacentes, além de se estimular a produção de novas fibras colágenas.

Com isso, as rugas tornam-se mais suaves, ocorre melhora geral da textura da pele, que fica mais lisa; as manchas tornam-se mais claras, conferindo um aspecto mais jovial.

Existem várias substâncias que podem ser usadas de forma isolada ou combinada para se fazer o peeling. Ex. ácido retinóico, ácido glicólico, ácido salicílico, ácido tricloroacético, solução Jessner, dentre outras.

Os peelings químicos podem ser utilizados no tratamento de diversas regiões do corpo: rosto, pescoço, colo, mãos, antebraços.

Dependendo do seu tipo de pele e dos resultados desejados, o médico poderá indicar qual o tipo de peeling mais indicado para o caso. Geralmente,  associamos os peelings químicos a outras técnicas de rejuvenescimento.

Para obtermos um melhor resultado final, indicamos o preparo prévio da pele por no mínimo 4 semanas antes do peeling, através de fórmulas prescritas pelo médico.

Orientações
- Lavar a pele XX horas após a aplicação da substância.
- Evitar o toque agressivo na pele.
- Hidratar bem a pele no período em que estiver descamando.
- Não remover a pele que começa a descamar.
- Limpeza com sabonete suave ou loção cremosa.
- Não se expor ao sol.
- Usar filtros solares diariamente.
- Evitar que o jato do chuveiro caia diretamente sobre o rosto.
- Evitar banhos muito quentes e demorados.
- Lavar os cabelos com a cabeça inclinada evitando o contato direto do shampoo com o rosto.
- Praticar esportes com moderação.
- Suspender o uso dos ácidos por 1 semana

Têm-se utilizado mais comumente como preenchedor, uma substância fabricada em laboratório chamada ácido hialurônico, semelhante àquela encontrada naturalmente no nosso organismo. Desta forma, não é necessária a realização de teste alérgico antes da aplicação. O ácido hialurônico é responsável pela sustentação da pele, juntamente com as fibras colágenas e elásticas. Entretanto, com o passar dos anos, esta substância vai sendo degradada. Daí a necessidade de sua reposição.

Quais são os possíveis pontos de aplicação?
O preenchimento é uma técnica utilizada para tratar sulcos profundos (bigode chinês), repor o volume (lábios, lóbulo de orelha) e o contorno facial (maçãs do rosto, nariz e queixo).

Como é feita a aplicação?
O procedimento é feito no consultório, após a aplicação de anestésico tópico em creme ou local injetável. Uma agulha fina é utilizada para aplicar o produto abaixo da pele. Os resultados são visíveis logo após a aplicação, podendo haver um pouco de inchaço e vermelhidão local (também pequenos hematomas) que regridem em pouco tempo.

Quanto tempo dura o preenchedor?
Dependendo da área tratada, da quantidade de produto utilizado e das características individuais de cada cliente, pode durar de 12 a 18 meses. Recomendamos aplicações periódicas para manutenção dos resultados.

Orientações
Logo após o tratamento poderá ocorrer leve vermelhidão e inchaço, que geralmente desaparece dentro de 1 a 2 dias.
O inchaço inicial após o tratamento nos lábios, costuma durar algum tempo, o que varia de paciente para paciente. Isto significa que o resultado imediatamente após a aplicação ficará um pouco "mascarado" pelo inchaço. Após alguns dias é que o resultado final será percebido.

Após cerca de 30 dias da primeira aplicação, será feita uma reavaliação, pois em alguns casos têm-se a necessidade de fazer uma complementação, a fim de que os sulcos mais profundos sejam amenizados.

Evite tocar a área tratada nas 6 horas seguidas à aplicação. Depois deste período poderá aplicar uma maquiagem leve e a área poderá ser lavada suavemente com água e sabonete.

Se tiver tido erupções de herpes labial antes do tratamento, pode acontecer de a picada da agulha provocar uma pequena erupção. Entre em contato conosco em caso de dúvida.

Se estiver usando aspirina, outros antiinflamatórios ou anticoagulantes, o local da aplicação poderá sangrar um pouco mais. Avise-nos antes.

Finalmente, dado que o ácido hialurônico é um material que vai sendo reabsorvido com o passar do tempo, a correção não dura para sempre.

É conveniente que se faça a manutenção através de nova aplicação dentro do período de um ano.

Você sabia que...

O cabelo tem um ciclo de vida normal constituído por 3 fases distintas

Anágena: é a fase de crescimento contínuo do fio e dura em média 5 anos. Em uma pessoa adulta, aproximadamente 90% dos fios

 estão nesta fase.

Catágena: dura cerca de 3 semanas. É a fase em que o fio pára de crescer e fica em repouso.

Telógena: dura cerca de 3 meses. É no final desta fase que o fio cai e é substituído por outro fio que inicia um novo ciclo, no mesmo.


Resultado de imagem para fases fios cabelos


É considerada normal a queda de 50 a 100 fios por dia, sendo sempre maior nos dias de lavagem.

Os cabelos crescem cerca de 1 cm por mês, porém se forem cacheados ou ondulados, têm aparentemente um crescimento mais lento porque enrolam e encurtam no comprimento.


O(a) paciente chega ao consultório e diz: “Doutor, estou perdendo todo o meu cabelo!!!”.

O dermatologista então fará uma série de perguntas sobre dieta, infecções recentes, medicamentos usados nos últimos 6 meses, cuidados diários com os cabelos, história familiar, alterações hormonais. Serão solicitados alguns exames laboratoriais.


Algumas causas de aumento da queda de cabelos:

1. Febre alta, infecção grave ou cirurgia (por ex cirurgia bariatrica) a queda inicia-se após 1 a 3 meses.

2. Parto: inicia-se 3 a 4 meses após o parto, podendo durar até 6 a 8 meses.

3. Anemia: por baixa ingestão de ferro (dieta inadequada) ou perda excessiva(fluxo menstrual intenso)

4. Alteração hormonal: cistos de ovários, pausa no uso de anticoncepcionais, menopausa.

5. Problema de tireóide: tanto hiper quanto hipotireoidismo.

6. Medicamentos: antiinflamatórios, antidepressivos, antihipertensivos, quimioterápicos (câncer), altas doses de vit. A.

7. Dieta com baixo teor de proteínas: algumas pessoas fazem dietas drásticas ou inadequadas, o que faz com que os cabelos entrem na fase de repouso, na tentativa do organismo poupar proteína. Conseqüentemente, pode ocorrer queda de cabelos exagerada após 2 a 3 meses.

8. Uso indevido de produtos cosméticos: tinturas, alisantes, permanente, descolorantes, uso de secador muito quente, não causam grandes danos aos cabelos se usados corretamente.  Entretanto, os fios podem tornar-se fracos e quebradiços caso estes produtos forem usados com muita freqüência.

9. Estresse: é uma das causas mais comuns;  interfere no crescimento capilar, induzindo o fio de cabelo a entrar precocemente na fase de repouso.  Por conseqüência, aumenta o percentual de cabelos que entrarão na fase de queda (mais de 100 fios por dia). O estresse também pode provocar aumento de andrógenos e prolactina na mulher, o que por sua vez induz a uma maior queda de cabelos.

10. Fatores hereditários: existe uma tendência genética tanto de origem materna quanto paterna envolvida na calvície. Pode acometer tanto homens quanto mulheres. Esta condição chama-se alopecia androgenética e pode iniciar-se a partir dos 20 anos.


Nenhum texto alternativo automático disponível.





À medida que envelhecemos, ocorrem mudanças na pele que podem ser causadas tanto por fatores internos quanto externos. 

Portanto, temos dois tipos de envelhecimento: 
- intrínseco ou cronológico, que se traduz pelas mudanças ocorridas na pele com o passar dos anos;
- extrínseco, causado por fatores externos, como o fumo e principalmente o sol (fotoenvelhecimento).

Desta forma, o processo de envelhecimento da face é amplo e multifatorial. Além da perda de colágeno, elastina e ácido hialurônico da pele, ocorre a perda de volume e reposicionamento dos compartimentos de gordura da face, a perda de tecido ósseo e muscular de sustentação, associados a ação da própria gravidade. 


Resultado de imagem para compartimentos de gordura da face


Sendo assim, a combinação de técnicas como LASERS, MICROAGULHAMENTO, DRUG DELIVERY, PREENCHEDORES, FIOS DE SUSTENTAÇÃO, TOXINA BOTULÍNICA, podem ser utilizados pelo médico especialista para o tratamento do REJUVENESCIMENTO E REDEFINIÇÃO do contorno facial.





TRIÂNGULO DA JUVENTUDE


Na juventude, o rosto tem o formato de um triângulo com a base para cima e o ápice voltado para baixo, o que se traduz em bochechas e sobrancelhas bem posicionadas e queixo definido. Com o envelhecimento, ocorre a perda da elasticidade da pele, diminuição da gordura facial, perda de massa muscular e reabsorção óssea. Isso tudo faz com que o contorno e o volume facial sejam perdidos, as olheiras se acentuem, as bochechas caiam. Inverte-se então o triângulo da juventude (ápice para cima e base para baixo), o que dá um ar de cansaço ao rosto. 


Atualmente, em decorrência do desenvolvimento científico e de novas técnicas, existem alternativas para o REJUVENESCIMENTO FACIAL, não cirúrgico, com menor tempo de recuperação. A reposição de volume através do uso de preenchedores como por exemplo o ácido hialurônico utilizado em diferentes concentrações, associada ao uso de toxina botulínica atuando como relaxante muscular em pontos específicos da face, nos permite prevenir o envelhecimento facial de maneira satisfatória. 



Resultado de imagem para triangulo da juventude


Resultado de imagem para triangulo da juventude



Resultado de imagem para rugas dinamicas estaticas e gravitacionais



RUGAS ESTÁTICAS X DINÂMICAS qual a diferença?


Com o passar nos anos, nada mais natural do que o aparecimento das rugas. Elas são divididas em duas categorias, as rugas estáticas e as dinâmicas.


As ESTÁTICAS são causadas pelo envelhecimento natural da pele. Ocorre diminuição da espessura da pele, perda de colágeno e elastina, além de diminuição da capacidade de regeneração celular. Esses fatores ainda podem ser somados a ação de agentes externos como sol, fumo, poluição.


Já as DINÂMICAS são causadas pela contração muscular. Como os músculos estão localizados logo abaixo da pele, a movimentação repetida dos mesmos, provoca o aparecimento das “rugas de expressão” na testa, ao redor dos olhos e entre as sobrancelhas.


TRATAMENTO


Do ponto de vista prático, esses dois tipos de rugas podem muitas vezes estar associados, mas o tratamento é diferente.

No caso das RUGAS DINÂMICAS a melhor indicação é aplicação da toxina botulínica, que age nos músculos diminuindo assim a movimentação muscular.
Em relação às RUGAS ESTÁTICAS podem ser utilizados vários tratamentos como preenchimento com ácido hialurônico, tratamentos com laser ablativos e radiofreqüência.



Quais são as diferenças entre raios UVA e UVB?

Os raios UVB são os principais responsáveis pelo aparecimento do câncer de pele e também pelas queimaduras solares; sua maior incidência se dá no período entre as 10 e 16 horas.
Os raios UVA penetram mais profundamente através da pele causando dano ao colágeno e sendo responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele (e também pelo câncer); estão presentes durante o dia todo, tanto no verão quanto no inverno.



Nenhum texto alternativo automático disponível.


É verdade que acima do FPS 30 não existe diferença entre os fatores de proteção?

Realmente a diferença é pequena, mas existe! Um fotoprotetor com FPS 15 protege a pele contra cerca de 92% da radiação UVB, o FPS 30, 96% e o 60, 98%. O FPS está relacionado apenas 'a proteção contra os raios UVB (responsáveis pela queimadura da pele). O ideal é que o protetor solar também confira proteção contra os raios UVA (responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele). Daí procurar observar se na embalagem consta o termo " proteção UVA e UVB".


Qual a quantidade ideal de protetor solar a ser aplicada no corpo?

rosto e pescoço: 1 colher de chá

tronco: 1 colher de sopa na parte da frente e outra na parte de trás

braços: 1 colher de sopa para ambos

pernas: 1 colher de sopa para ambas


Quais os principais cuidados que devemos tomar em relação aos raios solares?


- O protetor deve ser aplicado 30 minutos antes da exposição solar, e reaplicado a cada 2 horas, não esquecendo de proteger os lábios e as orelhas. Mesmo nos dias nublados, os raios UV ultrapassam as nuvens.

- Lembrar de repassar o filtro solar se a pessoa transpirar muito, entrar na água, secar-se com a toalha ou deitar-se sobre a canga!
- Sempre que possível, usar chapéus, óculos escuros, camisas de manga comprida quando se expuser ao sol. Hoje em dia existem roupas que proporcionam proteção contra os raios solares, o que pode ser útil. 

- Cuidado com com superficies que refletem os raios solares, como mar, areia, neve,  e altas altitudes ( montanhas).

- Mesmo aqueles filtros resistentes 'a agua perdem quase metade da proteção após 1 hora de uso!

- A proteção deve ser iniciada precocemente, desde a infância, principalmente contra aquelas queimaduras intensas e com formação de bolhas. Aproximadamente 80% da exposição solar que recebemos durante a toda a vida ocorre antes dos 18 anos de idade!



Além da prevenção contra o fotoenvelhecimento, não podemos nos esquecer de que a proteção solar é o método mais eficaz para evitarmos o câncer de pele.
Mais de 90% dos tumores de pele ocorrem nas áreas expostas ao sol, tais como rosto, pescoço, orelhas, antebraços e mãos.

Podemos classificar as pessoas em 6 tipos de pele dependendo da sensibilidade aos raios solares, segundo Fitzpatrick (dermatologista americano, autor de livros)

1. Branco, nunca bronzeia e sempre se queima - muito sensível aos raios solares
2. Branco, dificilmente se bronzeia e queima-se facilmente – sensível aos raios solares
3. Moreno-claro, bronzeia e se queima de forma moderada - moderada sensibilidade solar; 
4. Moreno-escuro, bronzeia com facilidade e dificilmente se queima - pouca sensibilidade solar; 
5. Pardo, bronzeia-se e nunca queima - discreta sensibilidade solar; 
6. Negro, bronzeia-se e nunca queima - nenhuma sensibilidade solar;

As pessoas de pele tipo 1 e 2 são mais sensíveis à radiação solar e portanto constituem o grupo de maior risco a apresentar câncer de pele. Entretanto é recomendável que todos se protejam dos raios solares.


A substância que atenua as rugas de expressão

As rugas de expressão são causadas na maioria das vezes, pela contração dos músculos faciais mais delicados quando sorrimos ou franzimos as sobrancelhas e a testa.

A toxina botulínica é utilizada para tratar linhas de expressão entre as sobrancelhas, testa, ao redor dos olhos e pescoço. Outra ação da toxina botulínica é minimizar os efeitos indesejáveis do suor excessivo, situação conhecida como hiperidrose.

Quais são os pontos possíveis de aplicação?
Os locais mais comumente tratados são ao redor dos olhos (pés-de-galinha), testa, sobrancelhas e pescoço. Outros efeitos que por vezes conseguimos através da aplicação da toxina botulínica: elevar ou arquear as sobrancelhas, arrebitar a ponta do nariz, diminuir o sorriso gengival, alisar o queixo ( tipo casca de laranja), e por vezes realçar o contorno da mandíbula.

Como a Toxina Botulínica funciona?
A Toxina Botulínica bloqueia a contração apenas dos músculos onde ela foi aplicada, ou seja, quando não há contração do músculo, não há formação de rugas. Como o músculo tratado fica relaxado, a pele que está sobre ele torna-se mais lisa.

Como é o Tratamento?
A aplicação da Toxina Botulínica é um procedimento simples e seguro. É feita no consultório, utilizando basicamente uma agulha pequena para aplicação de pequenas quantidades em determinados pontos da face. Como a agulha é fina e a quantidade é mínima, a dor provocada pela aplicação da Toxina Botulínica é suportável, sendo semelhante à picada de um inseto. Começamos a notar os efeitos após 3 a 5 dias. Após a aplicação pede-se ao paciente para evitar deitar-se por 4 horas e não fazer exercícios físicos. Seu efeito dura entre 3 a 6 meses, sendo necessário repetí-la de 2 a 3 vezes ao ano, a fim de manter o resultado desejado. A durabilidade pode ser variável de paciente para paciente. Após várias aplicações, geralmente as rugas ficam mais e mais suaves.

É um produto seguro?
É um produto seguro, utilizado por outras áreas da Medicina há cerca de 20 anos, como relaxante muscular (estrabismo, espasmos musculares, fisiatria, cefaléia tensional) e para fins estéticos há mais de 10 anos. Dia a dia são descobertos novos usos da substância.

Toxina Botulínica no tratamento do suor excessivo
Outra ação da Toxina Butolínica é diminuir os efeitos indesejáveis do suor excessivo, situação conhecida como hiperidrose.

O que é hiperidrose?
Sabemos que é normal suarmos quando praticamos exercícios físicos ou estamos em lugares muito quentes! Entretanto, quando isso ocorre de uma maneira exagerada, por uma atividade exagerada das glândulas sudoríparas, a situação torna-se desconfortável. As áreas mais afetadas são axilas, mãos e pés. A toxina botulínica bloqueia a ação destas glândulas na área tratada, sendo assim uma opção segura e prática nestas situações. O efeito máximo é atingido em 2 semanas, podendo durar até 8 meses, variando de caso para caso.

Orientações
O efeito da aplicação deverá começar a ser notado após 3 a 5 dias, atingindo o pico de ação em 2 semanas. É solicitado ao paciente para que ele retorne ao consultório para reavaliação após 3 a 4 semanas . Pode ser necessária uma pequena complementação da dose inicialmente aplicada.

É recomendável que se faça nova aplicação num intervalo de 4 a 6 meses, principalmente nas primeiras vezes. Em alguns casos, após a terceira ou quarta aplicação, ocorre uma reeducação da contração destes músculos, podendo-se então aumentar o intervalo entre elas.

Recomenda-se evitar fazer exercícios físicos no dia da aplicação.

Também tem se procurado obter o efeito mais natural possível, apenas suavizando a contração dos músculos da mímica facial, e não mais ficando com aquela expressão "congelada"

Um conceito muito divulgado ultimamente é o SOFT LIFT ® . Do que se trata?
A técnica consiste na utilização associada das 2 técnicas de rejuvenescimento facial já tão usadas pelos dermatologistas: o preenchimento com acido hialurônico e a aplicação de toxina botulínica . Com isso conseguimos atuar ao mesmo tempo em vários pontos:
- rugas de movimento ( testa, entre sobrancelhas, pés-de-galinha ),
- rugas de repouso ( bigode chinês ),
- redefinindo o contorno facial e repondo o volume perdido com o passar dos anos ( maçãs do rosto , lábios, queixo, contorno da mandíbula, lóbulo de orelha).

O resultado é de uma aparência mais saudável e natural. 
Resultado de imagem para hifu



O Ultrassom Microfocado está indicado para o tratamento da flacidez do rosto e pescoço. Utiliza a tecnologia de ultrassom que aquece até as camadas mais profundas da pele ( de 1 a 4,5mm ). Atravessa a epiderme sem lesá-la, atuando na derme profunda e músculo, criando pontos profundos de coagulação no sistema superficial do músculo aponeurótico (SMAS) promovendo o estímulo e formação de neocolágeno.
O SMAS é o responsável pela sustenção da face e justamente o tecido tratado durante uma cirurgia de lifting facial. 
O processo de formação, remodelação e maturação do novo colágeno torna-se visível ao longo dos próximos dois ou três meses. Outros benefícios poderão aparecer até 6 meses depois do procedimento.
Como o processo de envelhecimento da pele é contínuo, são aconselháveis novas sessões anuais ou de acordo com a necessidade de cada paciente.
O procedimento dura cerca de 50 minutos para a face e pescoço, é feito com anestesia tópica e um analgesico via oral. Está indicado para todos os tipos de pele, para pacientes com flacidez de leve a moderada que não estão prontos para um lifting cirurgico.






Você sabia que o aspecto das unhas também pode revelar como anda a nossa saúde?


As unhas das mãos crescem em média 3 mm por mês? Já as unhas dos pés crescem num ritmo mais lento. Por isso cortamos mais vezes as unhas das mãos!

As unhas crescem mais durante o dia que a noite, na infância que nos idosos, no verão que no inverno, nos homens que nas mulheres.

Além disso, nem 

toda alteração na unha significa que ela esteja com “micose”. Por exemplo, unhas descoladas, frágeis e quebradiças podem indicar falta de ferro, vitaminas, sais minerais, além de problemas na tireóide (tanto hipo quanto hipertireoidismo). Em caso de doenças cardíacas, as unhas podem adquirir uma tonalidade arroxeada. A chamada unha 1/2 e 1/2, que ocorre quando metade é branca e metade róseo-acastanhada, pode indicar doença no rim. As unhas amareladas, grossas e de crescimento lento podem alertar para problemas no pulmão ou ainda insuficiência circulatória periférica.

Como manter as unhas fortes e sadias?

Uma boa alimentação pode ajudar, e muito, a manter a saúde das unhas em dia. Tome cuidado com as dietas radicais, que fazem a pessoa perder peso rapidamente, pois elas podem fazer com que as unhas se quebrem com maior facilidade. Vale lembrar que pessoas que se submeteram a cirurgia de redução de estômago, devem fazer suplementação de vitaminas, principalmente do complexo B e ácido fólico, 
Por isso, inclua sempre no seu cardápio frutas e verduras (feijão, couve, castanha do Pará) que são fontes de vitaminas e ferro. Os aminoácidos, que são encontrados em carnes de peixe, de boi e nos ovos, são os responsáveis pela queratina que compõe as unhas. Já os derivados do leite e iogurtes são ricos em cálcio. Também é importante consumir frutos do mar e arroz integral, ricos em zinco.


Resultado de imagem para unha saudável



Resultado de imagem para sol e pele

O tema VITAMINA D X EXPOSIÇÃO SOLAR é assunto responsável por várias publicações no meio científico e ainda é controverso. 
A Sociedade Brasileira de Dermatologia, baseada em referências na literatura, enviou a seus associados a seguinte orientação para que fossem passadas a seus pacientes

A SBD recomenda que se conheçam os níveis individuais de vitamina D e a reposição oral seja feita com acompanhamento médico. 
A exposição direta poderia ser feita nas  áreas cobertas, como pernas, costas, barriga, ou ainda palmas e plantas, por 5 a 10 minutos todos os dias, a fim de sintetizar vitamina D, sem sobrecarregar as áreas cronicamente expostas ao sol.

As medidas fotoprotetoras, como o uso de roupas e chapéus, óculos escuros e a não exposição ao sol em horários extremos (10hrs-15hrs), continuam como a recomendação mais adequada para a PREVENÇÃO DO CÂNCER DE PELE e do FOTOENVELHECIMENTO. 

O uso de protetores solares com FPS superiores a 30 deve ser recomendado para todos os pacientes, acima de 6 meses, expostos ao sol. Não se deve realizar exposição ao Sol sem o uso adequado de protetores solares.

Dentre os vários tipos de raios solares, é o ultravioleta B que está relacionado à síntese da vitamina D. Presente principalmente das 10 às 16 horas, justamente é o responsável pela vermelhidão e ardor da pele quando nos expomos ao sol sem proteção, e também está relacionado ao aparecimento de câncer de pele! 
Entretanto, num país ensolarado na maior parte do ano como o nosso, segundo alguns estudos científicos, o simples ato de caminhar na rua ou dirigir o carro já seria suficientes para a produção de Vitamina D.